Archive for julho, 2012


Para os orfãos musicais…

Siga:
http://soundrounding.wordpress.com/

 Eu tenho sofrido um vazio de ideias ultimamente para escrever.

 Desde que comecei a postar neste blog as minhas experiências, notei uma diferença muito grande nos posts devido a diversidade de SENTIMENTOS que me levavam a escrever.

A experiência com a medicação foi a menor e mais irrelevante no processo todo, por isso deixei de lado qualquer tipo de detalhe. Não era minha intenção fazer uma “receita de bolo” ou um “How to leave your biggests vices” nem nada disso.

 Minha intenção era dar vazão a muita coisa que ficou encalhada na minha mente há muito tempo.

Em tecnologia da informação poderia ser descrito como um “Clean Up” das filas de mensagem, ou um DEFRAG no cérebro.

Eu sofri por muito tempo com uma enxurrada muito exagerada de informações e ideias desordenadas que não me levaram a a nenhum lugar que eu tivesse definido.

 Ao assistir “Beleza Americana” (sim…aquele com a Mena Suvary, pétalas de rosa…enfim….) eu percebi uma simbologia por trás daquele saco plástico.

Aquilo me fez pensar em como tenho levado e deixado levar a minha vida nos últimos anos…achei que isso iria acontecer aos 30 na “tal crise que acompanha essa idade. Não aconteceu ..para meu azar…ou sorte, levando em consideração as descobertas que fiz, os lugares em que passei, as pessoas que conheci, as qualidades que adquiri, as dores sofridas, os prazeres e satisfações conquistados durante todo o tempo no qual me vi perdido nesse turbilhão de ideias e sentimentos.

 Sou feliz por saber que isso tinha um propósito. Mesmo que fosse obscura para mim até então. Aprendi a perder. A cair e levantar e a não cair mais.

Mesmo que esse propósito tenha sido descoberto durante e não ao final desse processo.

Após essa ordenação de ideias e sentimentos e PRINCÍPIOS descobertos e refinados com a experiência, cheguei a uma conclusão.

 Em um sonho. Tudo aconteceu nesse sonho e me mostrou o que fazer. Não importando a recompensa (já tive muitas delas mesmo fazendo o que era ERRADO e não me arrependo, pelo contrário, agradeço por ter errado) nem o reconhecimento alheio.

 Parece egoísmo dizer isso, mas pela primeira vez em vários anos, eu NÃO LIGO PARA O QUE OS OUTROS PENSAM OU DIZEM. Eu acreditava que, fazendo o que queria da minha vida (ou o que achava certo) seria agraciado com admiração, com amor…

 …A vida só traz uma coisa dos outros: COMPREENSÃO ou INVEJA…o resto é consequência disso.

 Eu tive um sonho no qual ouvi uma frase que me fez toda a diferença. “VOCÊ SEMPRE SOUBE QUEM EU ERA E QUE EU ESTAVA SEMPRE COM VOCÊ”.

Essa frase, acompanhada do toque em minha mão e o perfume de chá verde me trouxeram a uma consciência que não tive desde há muito. Uma sensação de clareza e paz que eu jamais havia sentido…

 Eu acordei de um sonho com a sensação de que o que buscava sem saber , embora não estivesse mais no meu cuotidiano, nunca mais deixaria de existir em cômodo muito protegido e especial no fundo da minha mente e do coração ( e em ambas as amígdalas existentes…quem é da área de saúde sabe do que estou falando…) por fazer parte do meu ser. Por ser igual…tão igual…

 Ao saber o RUMO que devo tomar, me despi de qualquer tipo de pretensão ou de espera. O que devo fazer não é passivo de recompensa ou de reconhecimento. UM HOMEM DEVE FAZER AQUILO QUE DEVE FAZER… diria um amigo meu parafraseando a série “Breaking Bad”.

 Assumir o próprio EU e compreendê lo é uma tarefa que muita gente não consegue resolver durante a própria vida. Meu próprio pai foi um exemplo disso para mim. Muita gente que amo ou conheço superficialmente passa pelo mesmo.

 Não se trata de traçar um caminho. O rumo está traçado conforme aquilo que desejamos. Fazer o certo é questão de coerência. muitas vezes percebida por quem está de fora.

 Eu achei por muito tempo que ter opinião própria era fazer o que achava melhor ou o que queria.

 OPINIÃO é uma questão de bom senso. E quando não o temos, isso afeta no caminho. Principalmente quando dois olham na mesma direção.

 Meu bom senso voltou após um sonho. E, ironicamente parece estupidez para muitos.

 Agora vou ter de fazer o que quis sempre sem querer. Sem ter como intenção contrariar o que os outros estão acostumados a achar que é o certo.

 Chegou a hora na qual vou REALMENTE por a prova a coragem que adquiri no caminho trilhando rumos que, ao final iriam me levar não de volta, mas ao TEMPO certo e LUGARES certos….Por a prova que algumas perdas são somente uma trascendência de situação. Como a confusão da puberdade ou o estado de Casulo da lagarta.

 Quanto as pessoas que vou encontrar nesse caminho…ou reencontrar…vai depender da sorte. Um dia tive toda a sorte do mundo e deixei escapar como “fumaça”…agora vou ter de REFAZER a minha sorte. E tenho feito com muita sabedoria e prazer em ter a consciencia sobre esse processo.

 Coragem não falta…juventude…talvez (mentira! Afrodescendentes não envelhecem tão cedo…). Medo?

 Só o medo de estar errado. Mas isso….é o necessário para não me tirar do meu “RUMO“…

 Tenho uma vida nova pra viver, e uma vida nova pra cuidar. Responsabilidade que não vai me tirar do meu rumo. Pelo contrário, vão me deixar mais com o pé no chão e me ajudar a ter força pra ME enfrentar… Meu maior inimigo tem sido EU mesmo. Isso mudou pra melhor e agora tenho do meu lado um aliado poderosamente teimoso.

 Esse é o meu último posts nesse blog. Acho que esgotei o que deveria expressar e ficaria muito feliz caso ele tenha sido de alguma valia seja lá para quem for. Seja no âmbito motivacional, sentimental, de entretenimento…seja pelas musicas postadas nele,  imagens, videos,  informações, e-books entre outras coisas…

 O que importa é que tudo que queria falar para quem importa de verdade foi escrito aqui. Isso fe uma diferença enorme para mim. Quem leu compartilhou.

Eu sei que ninguém é diferente de mim. Só espero que vocês encontrem seu RUMO assim como eu….mesmo não esperando mais nada em troca com a dignidade que só o tempo nos confere.

 Fiquem em paz e aproveitem o ultimo disco postado. Me tocou tanto quanto o sonho…espero que os toque também.

 PS: Logo eu faço outro blog para não deixar nenhum dos fãs do meu BOM GOSTO MUSICAL AVASSALADOR órfão…..(olhar de Malcom “Alex” McDowell no final de Laranja mecânica…)

 

Lianne La Havas

 Eu baixei esse disco por curiosidade. Foi um estalo de sorte que me acomete de vez em quando e me impele a compartilhar. Assim como o personagem do Jack Nicholson em “Melhor Impossível” tenho essa mania de passar o que penso e sinto com as musicas que apresento aos outros.

 Tamanho foi o meu espanto com a simplicidade, a doçura e o sentimento contidos na voz dessa cantora britânica que vai completar 23 anos em 23/08 próximo.

 Eu poderia passar linhas e linhas falando do que sinto ouvindo suas músicas, mas…estranhamente só tenho a dizer que elas falam por si só….(DESTAQUES: No Room For Doubt, They Could Be Wrong e a minha preferida Everything Everything)

Lianna L Havas ” Is your love big enough?”

 http://www.liannelahavas.com/

 

01. Don’t Wake Me Up

02. Is Your Love Big Enough?

03. Lost & Found

04. Au Cinema

05. No Room For Doubt*

06. Forget

07. Age

08. Elusive (Scott Matthews cover)

09. Everything Everything ***

10. Gone

11. Tease Me

12. They Could Be Wrong**

 Legenda:

 * = Muito Boa

** = Ótima!!

*** = Me faz chorar…

Eu sei que você tá aí.
Ouvi seus passos
senti seu cheiro
Caí nos braços do desespero
ao saber que não tinha pra onde fugir.

Eu sei que você tá aí.
esperando a hora,
o momento certo.
Por isso demora pra chegar mais perto
só pra dar chance de eu reagir

Eu sei que você tá aí.
mostra a verdade
que há em mim.
Pois tem vontade de que assim
seu prório segredo seja revelado

Eu sei que você tá aí.
Corpo fechado
Coração aberto
Deixando claro de que, por certo
gostaria muito de estar ao meu lado…